Como ligar um carro parado há muito tempo?

Abril 28, 2023

Um carro pode ficar parado durante muito tempo por inúmeras razões. Mas esta é uma prática que, sempre que possível, deve ser evitada.

Os automóveis são fabricados para funcionarem de forma regular, pelo que, em inatividade continuada, os seus componentes poderão apresentar anomalias, designadamente os travões, a bateria e a embraiagem, bem como o óleo do motor e o combustível deixado no depósito.

Mas não conseguindo evitar esta situação, como resolvê-la?

Além da consulta que deve fazer ao próprio manual do automóvel, que habitualmente reserva um capítulo com orientações para a manutenção do carro depois de um período de hibernação, há outras dicas úteis que o vão ajudar a voltar à estrada com sucesso.

Descubra quais neste artigo.

Encha o depósito

Se o automóvel parado estiver com o depósito de combustível vazio ou quase vazio, é importante que o abasteça o quanto antes. Isto porque elementos como o filtro e a bomba de combustível ou o sistema de injeção dependem da presença de gasolina ou de gasóleo para se manterem lubrificados — e sem eles, o risco de dano nestas peças é muito maior.

Mas atenção, se o automóvel tiver ficado muito tempo parado com o depósito praticamente cheio de combustível, é recomendado drenar a sua maior parte quando for utilizar o carro. Ao longo do tempo, esse combustível vai oxidando e perdendo as suas características originais, podendo a sua combustão danificar a mecânica do automóvel.

 

Desligue preventivamente a bateria

Se prevê um paragem prolongada, o melhor é desligar a bateria do carro ou recorrer a um carregador portátil para a manter carregada. Ao longo do tempo, é normal que ela vá descarregando.

Todas as baterias terão um comportamento diferente nesta situação, dependendo, dentre outros fatores, do tipo de carro e da respetiva antiguidade ou até do clima e da temperatura a que a viatura ficar exposta.

Para evitar o descarregamento e facilitar a reutilização do automóvel passado o período de hibernação, aconselhamos que vá ligando o carro uma ou duas vezes por semana durante 15 a 20 minutos, ou idealmente faça um pequeno percurso, para pôr em funcionamento os seus componentes.

 

Aumente a pressão dos pneus

Tal como a bateria descarrega, também a pressão dos pneus vai diminuindo à medida que o carro vai ficando inutilizado.

Por isso, mais uma vez, se conseguir prever uma paragem prolongada do automóvel, é muito recomendável aumentar ligeiramente a pressão dos pneus, para que estes não fiquem achatados na zona de contacto com o solo.

Importante: quando for voltar a conduzir, coloque os pneus com a pressão recomendada pelo fabricante.

Outra nota: se estivermos a falar de uma paragem muito longa (de vários meses ou anos), poderá querer até colocar o carro num cavalete.

Faça uma limpeza

É recomendável que vá limpando o habitáculo do automóvel com alguma regularidade. 

Isto evita a decomposição do interior do carro, a formação de maus odores e a deterioração dos próprios materiais. Quando voltar a conduzi-lo, vai evitar surpresas ou algum desconforto.

 

Tenha atenção ao óleo

O óleo do carro é um fluído da maior importância: é a ele que cabe lubrificar os inúmeros elementos da mecânica do automóvel, em especial o motor, peça-chave no funcionamento da viatura.

Durante uma paragem prolongada, o óleo vai tendencialmente perder as suas características, pelo que, antes de voltar a utilizar o automóvel, aconselhamos que faça a substituição do óleo.

Mais uma vez recomendamos uma breve utilização do carro, pelo menos uma vez por semana, para promover a lubrificação dos elementos mecânicos — especialmente a transmissão, cuja substituição pode ser bastante dispendiosa.

 

Não force o travão de mão

Se for manual, não precisa de esforçar em demasia o travão de estacionamento — isso pode provocar a colagem das pastilhas dos travões de disco ou até dos tambores.

Estacione com a mudança engatada e numa zona plana, para evitar ter de confiar demasiado no travão para imobilizar o carro.

Atenção às primeiras utilizações

Quando voltar a conduzir o carro muito tempo parado, fique atento a quaisquer sinais de mau funcionamento.

É normal que mesmo um automóvel perfeitamente funcional antes da paragem apresente problemas.

No entanto, isto não é razão para se preocupar em demasia: pode ser apenas a deterioração de uma peça ou sistema, que é natural dada a paragem prolongada. Quando assim for, recorra aos serviços Fix&Go e num curto espaço de tempo verá o problema identificado e ultrapassado.

 

Faça uma check-list

Para não deixar para trás nenhuma precaução, é importante elaborar uma check-list quando voltar a utilizar o carro: limpar o interior, verificar a pressão dos pneus, o nível do óleo, o líquido do radiador, as luzes, e fazer um breve teste aos travões em velocidades reduzidas.

Tenha em atenção também que a inutilização prolongada do automóvel poderá fazê-lo perder de vista algumas obrigações periódicas, como a ida à revisão ou a renovação do seguro.

 

Se tem um carro parado há um longo período de tempo e quer voltar a utilizá-lo, pode contar com o apoio dos profissionais da Fix&Go para que tudo corra da melhor forma.

Faça a sua marcação!

 

Mais Notícias

9 Dicas Para Uma Condução Mais Económica e Segura

Com a tecnologia a avançar cada vez mais rápido, também os carros são cada vez mais velozes desde o momento que arrancam. Apesar disto parecer…

As Piores Multas de Trânsito

Multas de Trânsito Que Fazem Estragos na Carteira Ninguém gosta de ser multado, ainda mais quando são multas de trânsito. Estas podem representar um peso…

Mais Vistas

Gasóleo ou gasolina? Conheça as diferenças.

Existem algumas diferenças claras entre gasóleo e gasolina, que provavelmente poderá saber. No entanto existem outros detalhes menos óbvios que pode desconhecer. Fique a par…

Travão de mão: quais os problemas mais comuns e como evitá-los

Todos os condutores sabem para que serve um travão de mão e como é acionado. Mas será que conhece em maior detalhe o funcionamento deste…

Num automóvel os amortecedores têm que função?

Num automóvel, os amortecedores são essenciais para o bom funcionamento da direção do carro durante a condução. A utilização de amortecedores em mau estado acelera…