Carro novo ou usado: qual a melhor opção?

Novembro 14, 2022

Comprar carro está longe de ser uma decisão simples, ainda para mais quando se vivem tempos de incerteza e os preços dos combustíveis tendem a manter-se elevados.

Para facilitar o seu processo, neste artigo colocámos nos pratos da balança os vários fatores associados à compra de um automóvel. Fique a conhecer as vantagens e desvantagens de comprar um carro novo ou um carro usado, e qual a melhor opção para o seu dia a dia.

carros

 

COMPRAR UM CARRO: QUAL O MOTIVO?

Antes de começar a tomar decisões, questione-se qual o motivo para comprar um automóvel. Precisa dele para se deslocar até ao trabalho? Vai fazer mais viagens curtas ou longas? É para toda a família, para dividir com outras pessoas ou só para si?

São várias as perguntas a que deve responder e que podem ajudar no momento da escolha. Consoante as suas necessidades, haverá automóveis mais indicados do que outros, e perceberá mais rapidamente se deve optar por um carro novo ou por um carro usado.

CARRO A GASOLINA, GASÓLEO,  ELÉTRICO, HÍBRIDO OU A HIDROGÉNIO?

Quando chega a altura de comprar, é normal ficar na dúvida entre um carro a gasolina ou gasóleo e um elétrico, híbrido ou até mesmo a hidrogénio. São cada vez mais as alternativas aos combustíveis fósseis, e com o aumento dos preços, vale a pena medir os vários fatores em jogo.

Atualmente, é possível ter uma condução mais poupada com um carro a gasolina do que com um carro a gasóleo, tanto em percursos citadinos como em grandes distâncias.

Já os carros elétricos e híbridos, como deve saber, têm a vantagem de serem menos nocivos para o planeta. Contudo, o preço mais elevado e a menor autonomia ainda pesam na escolha dos consumidores. A questão da reduzida oferta de pontos de carregamento e tempos de espera acaba por vezes por ser um motivo de dissuasão.

A principal opção de futuro passa pelos carros a hidrogénio, mas este modelo de veículo ainda se vê pouco no mercado português.

 

carros

 

CARRO NOVO OU CARRO USADO?

Entramos agora no tema central deste artigo: qual a melhor opção entre um carro novo e um carro usado. 

Tendo em conta que por norma sai mais caro, justifica-se investir num veículo acabado de sair da fábrica? Até que ponto não compensa sempre procurar um automóvel em segunda mão?

Para uma análise mais aprofundada destas duas opções, decidimos avaliar em separado as vantagens e desvantagens de cada caso.

 

CARRO NOVO: VANTAGENS

Para quem não se importa de gastar um pouco mais, um carro novo traz várias vantagens ao dia-a-dia na estrada (e fora dela):

  1. Segurança e eficiência do motor

Visto que um carro novo não tem antecedentes nem historial de problemas no mecânico, tem a garantia de maior confiança e segurança na compra. À partida, os encargos e custos de manutenção a curto prazo são menores.

  1. Cada vez mais otimizado para consumir pouco combustível

Com vista à diminuição de 40% até 2030 da taxa de CO2, o mercado automóvel teve de ser reformulado. São cada vez mais os automóveis que surgem com versões otimizadas, que levam a um menor consumo de combustível e à redução das emissões de CO2.

  1. Pode personalizar o carro a seu gosto

Para quem dá grande importância ao design de um automóvel, esta vantagem pode pesar bastante. Se comprar um carro novo diretamente à marca, tem a oportunidade de personalizar diferentes elementos (dos mais técnicos aos mais tecnológicos) e de configurar os packs do design da carroçaria.

  1. Maior avanço tecnológico

Com as constantes inovações no setor tecnológico e nos mecanismos dos automóveis, é bem provável que ao comprar um carro novo este já traga incorporadas certas tecnologias que não encontra em carros mais antigos.

  1. Com sorte, até pode conseguir um preço razoável

Se costuma estar a par do mercado automóvel, é provável que consiga um carro novo a um preço consideravelmente mais baixo. A altura certa para o fazer normalmente coincide com o pré-lançamento de uma nova versão ou facelift do mesmo modelo.

 

CARRO NOVO: DESVANTAGENS

  1. Preços quase sempre mais elevados

O valor a pagar por um carro novo é sempre mais elevado do que o semelhante em termos de características, mas usado. Como foi referido acima, pode até conseguir um achado, mas a regra diz-nos que o mais certo é puxar pelos cordões à bolsa.

  1. Desvalorização bem mais acentuada

A partir do momento em que o carro novo sai do stand ou da concessionária, já está a perder dinheiro. Ao que tudo indica, a desvalorização é logo de cerca de 30%, à qual acresce uma desvalorização anual, ainda que mais baixa.

  1. Defeitos de fabrico em certos modelos

À partida parece impensável, mas em algumas ocasiões os carros novos vêm com defeitos de fabrico que, consoante a eficácia da marca, podem demorar bastante tempo a serem corrigidos.

 

carros

 

CARRO USADO: VANTAGENS

  1. Preços bastante mais em conta

Face ao que foi dito anteriormente sobre a desvalorização dos veículos quando saem dos stands, é garantido que quando for à procura de carros usados vai encontrá-los por um preço mais baixo.

Na relação qualidade-preço, é provável que consiga um bom negócio caso procure por automóveis em segunda mão com pouca utilização.

  1. Defeitos de fabrico já corrigidos

Outra boa notícia: os defeitos de fabrico, que em algumas ocasiões estão associados a um carro novo, por esta altura já foram corrigidos pelo proprietário anterior. 

  1. Garantia em carros usados 

Por lei, os stands de automóveis são obrigados a darem garantia de carros usados, o que lhe permite fazer uma compra mais segura.

 

CARRO USADO: DESVANTAGENS

  1. Maior probabilidade de encargos na manutenção

Quando se desconhece o historial do veículo usado, há um maior risco de este vir com defeitos recentes e de ter de o levar constantemente à oficina.

  1. Diferenças na aquisição num stand ou a um particular

Ao contrário do que já se verifica nos stands, não existe ainda nenhuma lei que obrigue um vendedor particular a dar garantia de carros usados ao comprador.

  1. Maior trabalho de pesquisa para tomar a decisão certa

Para conseguir um bom negócio, é necessário que pesquise em mais do que um sítio e que estude todas as especificidades da compra de forma prudente. Está também condicionado pela menor correspondência de oferta com os seus interesses.

 

No final do dia, deve pesar todas estas vantagens e desvantagens de um carro novo ou usado antes de tomar a decisão final. Identifique quais os fatores mais determinantes (financeiro, tecnológico, ecológico ou de segurança) e vai ver que a escolha será mais simples.

 

Mais Notícias

Mecânica é connosco

Serviços Mecânica Fix&Go Quando pensamos em oficina, imediatamente ocorre-nos a palavra “Mecânica”, ou “mecânicos”, os profissionais em si da área. Essa associação, apesar de redutora,…

O Custo da Mobilidade Elétrica em Portugal

O Custo da Mobilidade Elétrica em Portugal: Uma Análise Detalhada No final de 2021, a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) trouxe à tona uma…

Mais Vistas

Gasóleo ou gasolina? Conheça as diferenças.

Existem algumas diferenças claras entre gasóleo e gasolina, que provavelmente poderá saber. No entanto existem outros detalhes menos óbvios que pode desconhecer. Fique a par…

Num automóvel os amortecedores têm que função?

Num automóvel, os amortecedores são essenciais para o bom funcionamento da direção do carro durante a condução. A utilização de amortecedores em mau estado acelera…

Travão de mão: quais os problemas mais comuns e como evitá-los

Todos os condutores sabem para que serve um travão de mão e como é acionado. Mas será que conhece em maior detalhe o funcionamento deste…